26/04/2017 - Notícias CNPC

Angola e Iêmen voltam a importar carne brasileira

Decisão dos países agora é aumentar a fiscalização sobre o produto brasileiro; mercados do Caribe devem suspender embargo até fim de maio

Angola e Iêmen, que mantinham suspensão total da importação de carne brasileira, mudaram de posição, conforme comunicado oficial recebido na segunda-feira, dia 24, pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Os dois países, agora, resolveram apenas intensificar a inspeção dos produtos que chegam ao país. O embargo aconteceu dias após a Polícia Federal deflagrar a operação Carne Fraca.

Países do Caribe

A expectativa do Mapa é de que países do Caribe também suspendam os embargos até o fim de maio. Nesta terça-feira, dia 25, o secretário de Relações Internacionais do Agronegócio do Ministério da Agricultura, Odilson Ribeiro e Silva, se reuniu com representantes das embaixadas da Jamaica, Haiti, Trinidad e Tobago, Guiana, Suriname e Barbados para relatar as medidas adotadas pelo Mapa em decorrência das restrições comerciais impostas ao produto brasileiro em razão da operação Carne Fraca, da Polícia Federal.

Fonte: Canal Rural

© Copyright 2001 - 2017 - Todos os direitos reservados.
CNPC – Conselho Nacional da Pecuária de Corte
Paradoxo Digital